MICROFISIOTERAPIA

Microfisioterapia

Quando nossa pele sangra, fica fácil identificar a ferida. O corte, arranhão ou ralado é tratado e, dependendo da gravidade, deixa uma cicatriz, sinal do que aconteceu ali. Quando somos submetidos a situações traumáticas do ponto de vista emocional, também precisamos superar e tratar a ferida. Neste caso, nem sempre ela é visível, mas também deixa marca, cicatrizes nas células. A célula guarda as memórias do que vivemos, quando não conseguimos curar completamente uma situação, ela deixa de funcionar de forma plena, como uma cicatriz na pele. Microfisioterapia Moema

A diferença é que a memória em questão passa a afetar nosso organismo. Pode ser na forma de dor crônica, inflamações recorrentes, insônia, depressão ou mesmo doenças que não saram. Como a cicatriz está ali, você pode momentaneamente aliviar os sintomas, mas ela vai continuar provocando o dano ao seu organismo e é por isso que os sintomas voltam a incomodar.

Essa é a base da Microfisioterapia, uma técnica de terapia manual desenvolvida na França em 1983 por fisioterapeutas e osteopatas e que tem como embasamento científico os estudos da embriologia, filogênese e ontogênese, que identifica essas cicatrizes, por meio de micro palpações, estimula o corpo a eliminar essa marca, encontrando a cura para a doença ocasionada por aquele trauma. Microfisioterapia Moema

O terapeuta habilitado consegue identificar as causas do desequilíbrio e também o tipo de trauma vivido. Ele estimula o processo de autocorreção do organismo, o que devolve as funções do mesmo, eliminando, por consequência, as doenças através de um processo de autocura.

Nas sessões, que tem duração de 40 a 50 minutos, são realizadas as avaliações e atendimentos. Os resultados devem surgir já na primeira sessão e a melhora vai se intensificando entre as demais sessões. Os atendimentos ocorrem a cada 4 ou 6 semanas, de acordo com a necessidade do paciente. Não existem contraindicações para essa técnica, podendo ser realizadas em gestantes e pessoas com doenças graves.

Indicacoes

  • Distúrbios do sono.
  • Enxaquecas.
  • Distúrbios hormonais.
  • Síndrome do pânico.
  • Alergias.
  • Alteração no funcionamento dos órgãos (mal-estar, constipação, azia, etc…).
  • Traumas físicos (contusões, entorses, acidentes, luxações, etc…).
  • Traumas emocionais (perdas, abandonos, separações, etc…).
  • Dores físicas.
  • Agressividade.
  • Ansiedade.
  • Problemas escolares.
  • Hiperatividade.
  • Fobias/Medos.
  • Prevenção de doenças.
  • Problemas urogenitais.
  • Falta de atenção e concentração.
 
Se você ainda não conhece essa técnica 
deixe a Microfisioterapia te surpreender!
 

Contato

    Celular

    Escolha sua opção

    Open chat